x Fashion Label Brasil - Programa de Internacionalização da Moda Brasileira

Manolita se rende ao upcycling sem abrir mão da sua essência





Após passar uma temporada em Londres e NY, onde pesquisou e estudou sobre o novo comportamento sustentável do mercado da moda, Débora Leal, designer e empresária à frente da Manolita, resolveu entrar de cabeça no assunto e lançar uma linha de sapatos upcycling.

A marca desde sempre esteve engajada no assunto ao utilizar técnicas de trabalho sustentável, 100% manual e transparente, apostando na fabricação handmade que não utiliza maquinários e consequentemente diminui a produção e margem de consumo. Vale ressaltar ainda, na redução de estoque, prática em que a Manolita vem implementando desde o início do ano nas lojas físicas e agora no online, possibilitando a cliente de encomendar um sapato esgotado e após 30 dias recebê-lo em casa. O intuito é ter  “menos sobra no mundo” evitando o desperdício e a produção em grande quantidade que ficaria parado nas prateleiras.

Pensando na economia circular e de como poderia se engajar ainda mais na sustentabilidade e principalmente no bom uso e destino final dos sapatos das suas clientes, Manolita resolveu apostar no upcycling, a fim de diminuir de alguma forma o lixo que produz. A partir de novembro a marca irá coletar nas lojas físicas sapatos antigos das consumidoras que seriam descartados para terem um novo destino. Os modelos serão restaurados e uma parte será doada para o “Projeto Arrastão” enquanto a outra seleção passará pelo processo de upcycling - sejam pequenos ajustes, reconstruções nos cortes, aplicações de tecidos ou aviamentos - resultando em itens únicos e exclusivos. que serão vendidos no próximo ano. A primeira cápsula desses modelos Upcycling será lançada em março de 2020. 

A cliente que levar seu sapato durante o mês de novembro ganhará 10% de desconto numa nova peça, além de estar contribuindo para a economia circular.